Artigo: DIAS DE LUTA, DIAS INGLÓRIOS.

Por Jorge Cardoso - SINPOJUD

No dia 29 de novembro de 2016 fomos surpreendidos pelos defensores da intolerância, que de forma repressora marcharam empunhando bombas de efeito “moral” em defesa dos atos praticados por pessoas revestidas do momentâneo poder.

Tal truculência que brutalmente atinge nossa democracia que agoniza em meio a manifestação popular de jovens estudantes que são tratados de maneira ditatorial por um governo inconsequente, perverso e ilegítimo, que, passivo, a tudo assistia de seu trono confortável e seguro.

As ruas da capital federal foram povoadas da real vontade popular, que empunhavam bandeiras, faixas e cartazes, entoando gritos de indignação, já expressos em palavras de ordem nas redes sociais. E, declarando resistência, foram às ruas pra demonstrar coragem e vontade de lutar por um Brasil mais justo.


O clamor da juventude estudantil não foi e jamais será para a nação brasileira, um ato de VANDALISMO e/ou BADERNA mesmo sendo, desta forma que os defensores e opressores do poder o classifiquem, o movimento estudantil não é estático, servil ou leniente, sem capacidade de reação. Diante dos ataques sofridos, com objetivo de dispersar, impedir, sufocar um manifesto democrático ordeiro e pacífico, jogam bombas, utilizam spray de pimenta contra o povo que é duramente massacrado por atitudes ditatoriais impostas por um governo que só pretende atender aos interesses internacionais, empresariais e de banqueiros.

Os trabalhadores e estudantes brasileiros repudiam veementemente estes atos repressivos truculentos e antidemocráticos adotados em pleno estado de direito, que só foram anteriormente utilizados no período da ditadura. 


A praça dos três poderes e demais vias públicas serão permanentes palcos das nossas democráticas manifestações, para demonstrar a toda sociedade brasileira que, estudantes e trabalhadores jamais fugira do enfrentamento, seja ele, ideológico ou físico se atacados. 

Nesta esteira, com atitude e altivez, iremos resistir, lutar e avançar contra os desmandos desse governo ilegítimo que retira direitos coletivos, rasgando a nossa Constituição cidadã para obter benefícios individuais.

O povo irá sempre ocupar as ruas, sem amarras à siglas de qualquer ideologia, mas, comprometidos com o direito de exercer a plena cidadania, fazendo ecoar seu grito e palavras de ordem como: #FORATEMER, #NENHUMDIREITOAMENOS e todas as que responderem aos seus anseios democráticos.

Assim, à luta! Agora, UNINDO TRABALHADORES E ESTUDANTES DO BRASIL! Porque somos filhos da democracia e por ela novamente enfrentaremos os ranços da ditatura, para garantir direitos e restituir a dignidade e o respeito desta valorosa nação chamada BRASIL!

Fonte: http://www.sinpojud.org.br/subpage.php?id=12187_artigo-dias-de-luta-dias-ingl-rios.html
Versão para Impressão
© 2007 - FENAJUD. Todos os direitos reservados.
Endereço: SCS, Qd. 01, Bc. K, Ed Denasa, 9º andar, salas 901 e 902 - Brasília DF - CEP 70398-900 | Telefone: (61) 3321-5349 | (61) 3321-0242
Desenvolvimento: Techblu.com.