Fenajud participa de reunião convocada pela ISP para debater o TISA

O evento sobre o TISA ocorreu em São Paulo e promovido pela Internacional de Serviços Públicos, com objetivo de debater os malefícios caso o Brasil se filie ao TISA – que se trata  de um acordo comercial com mais de 50 países.

                     
A Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados (Fenajud), por meio da diretora de Finanças, Maria José Silva, e do segundo secretário de Finanças, Ednaldo Martins, estiveram na reunião que tratou o TISA ((Tratado de Comércio sobre Serviços), seus impactos no Brasil e a criação de uma agenda de ações que combatam a destruição neoliberal imposta pelo capital nos países em desenvolvimento. O encontro foi realizado nos dias 7 e 8 de agosto no estado de São Paulo, promovido pela ISP (Internacional de Serviços Públicos), em parceria com suas filiadas.

Os participantes do encontro avaliaram que o TISA representa real ameaça a existência dos serviços públicos de qualidade, transformando-os em mercadorias. Apesar do Brasil não integrar oficialmente as negociações do TISA, com a alternância no Governo Federal e consequente mudança na visão do Ministério de Relações Exteriores, o ambiente político torna-se favorável ao risco de o Brasil ser incluído na lista de países que estão negociando o "perigoso" Tratado.
 
Para Maria José, “O evento da ISP em São Paulo foi de grande importância para os trabalhadores do judiciário estadual, e nós como Fenajud temos acompanhado todos os temas que podem prejudicar a categoria”.
 
“Foram abordados no decorrer do evento as consequências negativas aos serviços públicos e essenciais (educação, saúde, transporte, seguridade social, energia e água) tendo em vista q as empresas transnacionais poderão investir sem nenhum tipo de controle. O que pode acarretar sérios prejuízos aos interesses nacionais”, disse Ednaldo.
 
A atividade também teve a participação e apoio da FES (Friedrich Ebert Stiftung), entidade alemã que busca promover a democracia e a globalização solidária e justa.

Saiba mais sobre o Tisa, aqui.
 
Encaminhamentos
 

Os participantes opinaram a respeito das ações que a ISP e suas filiadas podem tomar em relação ao combate do TISA. Entre os encaminhamentos:
 
- Cada entidade realizará encontros para debater e informar seus dirigentes sobre o TISA;

- Produzir conteúdo e informar veículos de comunicação alternativos (predominantemente na internet) a respeito do tema e das ações da ISP, visando levar a discussão para fora do Movimento Sindical;

- Buscar união entre entidades sindicais, movimentos sociais, ONGs e organizações sociais. Com parceria da Rebrip (Rede Brasileira Pela Integração dos Povos).
 

 
Versão para Impressão
© 2007 - FENAJUD. Todos os direitos reservados.
Endereço: SCS, Qd. 01, Bc. K, Ed Denasa, 9º andar, salas 901 e 902 - Brasília DF - CEP 70398-900 | Telefone: (61) 3321-5349 | (61) 3321-0242
Desenvolvimento: Techblu.com.